DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL, ECONOMICO e EMPREGO

  • Elevar a participação industrial no PIB de Venâncio Aires, agregando, preferencialmente, indústrias de base tecnológicas e estratégicas;

  • Promover o desenvolvimento de cadeias produtivas complexas por meio de novas políticas públicas;

  • Fomentar os pequenos negócios, criando políticas e estratégias locais, em sintonia com políticas e estratégias do Estado e do País, como forma de contribuir para o desenvolvimento econômico;

  • Promover o desenvolvimento tecnológico, para consolidar o Município de Venâncio Aires como polo competitivo de inovação tecnológica e centro regional integrado do desenvolvimento sustentável;

  • Reestruturar a Central do Empreendedor;

  • Aperfeiçoar processos para efetivar a liberação de alvarás para novas empresas em até 24h;

  • Criar oportunidades de trabalho e renda, visando à inclusão econômica;

  • Promover a Inclusão social e a distribuição de renda;

  • Garantir a integração entre o desenvolvimento econômico e as políticas de educação, saúde, cultura, agricultura, esporte, lazer, meio ambiente e demais políticas púbicas;

  • Identificar maneiras de ocupação do Distrito Industrial I, visando a redução do seu grau de ociosidade;

  • Revitalizar e modernizar o Distrito Industrial I;

  • Estruturar o Distrito Industrial II;

  • Revisar legislação de incentivos fiscais em vigor, adequando-a as necessidades locais;

  • Incentivar e valorizar os produtos e empreendimentos locais, estimulando o surgimento de novos empresários;

  • Desenvolver ações conjuntas com órgãos e entidades públicas e privadas, visando atrair novos empreendimentos empresariais, capazes de gerar empregos e promover o desenvolvimento do município;

  • Elaborar e manter, permanentemente, atualizado, material promocional de divulgação do Município, suas potencialidades e incentivos;

  • Integrar Programas de Economia Solidária às cadeias produtivas do município;

  • Implementar programas de qualificação e capacitação profissional;

  • Implantar a cultura empreendedora em todos os níveis de ensino (fundamental, médio e superior);

  • Conceber programas de empreendedorismo (Programas: Município empreendedor, inovação e negócios, cidadão empreendedor, jovem empreendedor, empreender na cidade, geração de renda para a agricultura familiar);

  • Ampliar soluções para obtenção de créditos e microcréditos;

  • Fomentar a participação das micro e pequenas empresas do município nas compras governamentais;

  • Implementar o Berçário Industrial;

  • Implementar o Plano Municipal de Desenvolvimento Econômico.